Pintura Automotiva

A Pintura Automotiva

Com a moda do Tuning, também conhecida como “Tunagem”, (que nada mais é que a customização de carros e motos) em alta, as técnicas de pintura de lataria convencionais sofreram uma grande revolução. Conheça as principais.

Pintura Automotiva

Pintura Automotiva

Camaleão: tem esse nome por mudar de tonalidade como o animal. A variação pode ocorrer por conta da direção da luz e do ângulo de visão. Quanto mais cores forem misturadas, maior o efeito de variação. Tem um efeito quase onírico se misturada a pintura candy.

Candy: deixa a lataria com aspecto caramelizado, similar ao de um doce, a própria textura da tinta lembra um xarope de groselha. Combinada a outras tintas dá efeito de profundidade.

Cromada: dá acabamento semelhante ao cromado, diferente dos outros tipos de pinturas, pode ser aplicada em todo o carro, incluindo as calotas, além da vantagem de ser mais barata e agredir menos a natureza que com o processo de cromação.

Flake: é uma tinta produzida com um glitter especial que não risca a lataria do carro e deixa pontos que brilham com a incidência da luz.

Marmorizada: como diz o nome, cria um efeito de mármore na pintura. Pode ser aplicada em toda a lataria externa.

Alguns Problemas que Podem Surgir na Pintura

Ferramentas

Ferramentas

Rachadura (Trincamento): causada por aplicação de tinta sobre a tinta antiga já com rachadura, tinta de baixa qualidade ou excesso de tinta ou massa. A única solução possível é raspar a região danificada, preparar adequadamente a superfície e repintar.

Manchas nas cores metálicas: causadas por pressão de ar incorreta na pistola de tinta, excesso de laca acrílica ou restos de água na mangueira do compressor. A solução é a mesma encontrada para resolver rachaduras.

Escorrimento: o escorrimento é um tipo de acúmulo de tinta na pintura, em forma de cordões que lembram fios de macarrão escorrido. Isso ocorre pelo uso da pistola de pintura muito próxima da superfície no momento da aplicação, uso de tintas muito viscosas (grossas) ou o uso de solventes incorretos. Para corrigir, é necessário esperar pela secagem total do local, lixá-lo e repintar.

Bolhas: as bolhas podem ser causadas por exposição do veículo recém pintado ao sol ou outra fonte de calor, umidade na superfície do carro ou água na mangueira do compressor. A solução é raspar o local, limpar e pintar novamente. Em todos os casos, recomenda-se procurar um profissional para fazer as correções.

Cuidados com a Pintura

Cabine

Cabine

Apesar de especiais, os cuidados com essa pinturas são os mesmos de qualquer pintura comum.

• Coloque o carro em um local coberto ou com sombra;
• Molhe a lataria antes de aplicar o sabão para retirar as partículas maiores de sujeira;
• Em seguida, ensaboe usando sabão próprio para carro, diluído na quantidade de água indicada pelo fabricante, e uma esponja limpa e macia, de preferência automotiva;
• Jogue água abundante, começando pelo teto até as rodas, para retirar o sabão;
• Deixe o carro secar na sombra ou seque com um pano limpo, seco e macio;
• Encere aos pouco, em pequenas partes do carro, para evitar manchas.

OBS: A cera pode ser tanto em pasta quanto líquida, o efeito é o mesmo ,desde que seja de boa qualidade. Cuidado com as partes plásticas, pois elas ficarão manchadas se entrarem em contato com a cera.

Deixe um Comentário

Politica de Privacidade